Skip to main content

A ansiedade pode matar?

Se você tem TOC, ansiedade social, fobia, pânico ou simplesmente fica ansioso com a vida, com certeza já buscou algum tratamento querendo se livrar dos sintomas e sentimentos desconfortáveis associados à ansiedade. Aposto que você tentou meditação, ioga, técnicas de relaxamento, psicoterapia e medicamentos, mas no geral não sentiu muita diferença. E a pergunta sempre vêm à mente “Porque estou tão ansioso?” e “Como me livro dessas sensações?”.

A resposta é: Você precisa se permitir ficar ansioso sem precisar saber o motivo. Eu sei que soa contra-intuitivo, mas quando você se move em direção à sua ansiedade e apenas se permite experimentá-la, sem fugir da situação ou raciocinar demais para sair dela, os sentimentos ansiosos tendem a se dissipar. A ansiedade nunca fica em um nível estável. Ela oscila, pra cima ou pra baixo, muitas vezes sendo influenciada pelo que você está fazendo no momento ou pensando. Se você aceita que está ansioso, não está mais lutando contra isso. Quando você tenta lutar contra ela, seus pensamentos variam entre “Isso é horrível! Eu não aguento mais”, “Algo ruim vai acontecer”. Então, o que acontece? Você fica mais ansioso esperando esse suposto “algo ruim” que nunca chega.

Você pode tentar controlar sua ansiedade evitando determinadas situações que te deixe ansioso. É sempre importante tentar administrar os pensamentos ansiosos falando ou fazendo e até mesmo repetindo para si mesmo que você está seguro.

Entenda o que é a ansiedade clicando aqui

A ansiedade é apenas o seu sistema nervoso respondendo à um possível perigo iminente, portanto é algo fundamental para sua saúde, já que se você estiver em um perigo REAL, sua ansiedade irá te ajudar a fugir da situação.

Nosso cérebro acaba se confundindo, em alguns casos, e emite esse sinal de alerta sem motivo algum, que nós interpretamos como perigoso e então nosso sistema de luta/fuga se prepara, mesmo que não exista nenhum perigo real.

Eu sei perfeitamente o quanto é horrível ter um ataque de pânico e imaginar que seu coração vai parar de bater ou que você está tendo um ataque cardíaco, mas isso é apenas um truque sem graça da sua mente. E pode parecer que você está morrendo por causa dos sintomas físicos, mas se você disser a si mesmo que vai ficar tudo bem, com certeza aos poucos você irá se acalmando.

E uma boa notícia é: VOCÊ NÃO VAI MORRER.

Mesmo que os ataques de pânico possam simular um ataque cardíaco ou outra condição séria, não fará com que você morra. Portanto, mantenha seus pensamentos sempre calmos e sempre que os sintomas aparecerem, diga a si mesmo com toda certeza absoluta “EU NÃO VOU MORRER”.

Então, quando você passar por uma nova crise converse com seu psicológico afirmando:

Nada disso vai me matar. Então, eu não vou me machucar com esses pensamentos.

  • Procure um médico e faça terapia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *